top of page
Buscar

Fundação José Carlos da Rocha leva idosos para atividades de musculação e dança em academia   

Em comemoração à Semana da Atividade Física e à Semana da Saúde, a Fundação José Carlos da Rocha levou um grupo de cerca de 50 idosos para realizar atividades físicas na Academia Tayoba, em Pindamonhangaba, no dia 12 de abril. 

A iniciativa contou com idosos de três lares da região: Casa do Ancião Luiza de Marillac (Taubaté), Lar São Vicente de Paulo (Pindamonhangaba) e Centro de Convivência Amélia Ozanam (Tremembé). 

De acordo com a professora Flavia do Amaral, da Fundação José Carlos da Rocha, a dinâmica começou com uma explanação sobre a atividade física e importância de exercícios físicos para manter a estrutura muscular saudável para tarefas do dia a dia. Além disso, professores de educação física fizeram demonstrações de algumas atividades para os idosos, como musculação e crossfit.  

A administradora da Fundação José Carlos da Rocha, Renata Linhares, explicou que os idosos que participaram foram selecionados de acordo com a aptidão física de cada um. “Inicialmente selecionamos 44 idosos de três lares de três cidades diferentes. Nossos professores de educação física, que já realizam diversas atividades de fortalecimento e musculação com os idosos, escolheram os que têm condições de sair do lar e participar dessa atividade na academia”. 

Flavia do Amaral destacou que os idosos participaram de alguns exercícios de musculação, principalmente em cadeiras, e dança adaptada, e assistiram a uma aula treino de crossfit. “Levamos partes dos nossos professores, que se uniram aos profissionais da academia, e aplicamos os exercícios ao grupo de idosos”, completou. 

Para encerrar a manhã de atividades físicas, foram servidos café, sucos, bolo e salada de fruta aos idosos, que aprovaram o passeio na academia. 

Para dona Maria Romana Salgado, de 96 anos, as atividades propostas pela Fundação José Carlos da Rocha são fundamentais. “Eu gosto muito porque precisamos disso. É muito importante ‘a gente’ se movimentar”. 

Assim como ela, outra idosa atendida pela Fundação José Carlos da Rocha, Zenda Gonçalves Henrique, de 81 anos, também valoriza os exercícios físicos. “Ficou muito feliz com todas as aulas, principalmente com a dança. Porque dá uma alegria imensa e uma paz enorme depois de dançar”. 

O elogio também é compartilhado por Julio Rikes. “Proporcionam muitas dinâmicas e projetos bons para nós. Tem exercícios, tem pintura, tem muita coisa. Acho essa iniciativa muito boa para nos tirar do lar, ver a rua e apresentar uma ‘coisa’ nova, que foi visita a uma academia”, finalizou. 







14 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page